antes e depois

antes e depois

domingo, 29 de janeiro de 2012

Redução de Estômago! Tem certeza?

Olá mulherada!!! Tudo bem aí com vocês?
Antes de iniciarmos nosso papo de hoje, gostaria de deixar claro que , não sou contra a cirurgia bariátrica; apenas acho que é uma intervenção médica extrema e  que deve ser a última das alternativas escolhidas como método para emagrecer!
É bem comum mulheres que ao ouvirem do médico que não se enquadram nos quesitos para a cirurgia resolverem engordar ainda mais! Para adquirir os índices estabelecidos, elas simplesmente engordam com a finalidade de conseguir a indicação do médico para operar!
Cansadas de serem obesas, engordar ainda mais é só uma questão matemática, já que, para estar apta para a cirurgia o IMC deve ser igual ou maior que 40 (obesidade mórbida).
E é ai que mora o perigo, a cirúrgia bariátrica por sí só é bastante delicada, engordar antes de operar, então, só vai aumentar o pacote de riscos.
Restringir as cirurgias exigindo IMC igual ou maior que 40 não é mera burocracia, essa restrição tenta controlar uma epidemia de cirurgias de redução de estômago, pois se trata de um procedimento radical e que só deve ser indicado em casos limites.

VEJAM O MEU EXEMPLO: Pesava em janeiro de 2011 exatos 105KG, com 1,72 de altura meu IMC era de 35... então mesmo que eu quisesse não me indicariam a cirurgia pois, eu teria que pesar no mínimo 120KG....teria que engordar mais 15KG!!
Que horror! Eu realmente não teria coragem de propositalmente engordar ainda mais! Se eu já estava doente com 105KG, engordando mais 15KG estaria sendo muito negligente com a minha saúde, vocês não acham?
É um erro pensar que só a cirurgia basta para alcançar o peso ideal. Deve-se entender que a cirurgia é apenas um ponto do tratamento, a reeducação alimentar terá que ser feita, mesmo fazendo a cirurgia é necessário mudar os hábitos alimentares, caso contrário, a pessoa irá passar mal ao tentar comer além da quantidade necessária pois o estômago reduziu de tamanho... mas e a cabeça, a gula a compulsão diminuíram junto com o estômago??
Pessoas que operam mas não mudam a maneira de enchergar o alimento voltam a engordar.
Por isso pense bem antes de decidir operar! Será que realmente você não é capaz de emagrecer de maneira natural e saudável??
Se eu conseguí, tenho a total certeza que você também pode!!!
Gostaria muito de ser um bom exemplo e ajudar quem vive a triste realidade da obesidade!
Um abraço carinhoso!
Carlinha
OBS: Esta postagem teve como base pesquisa em reportagem publicada na Revista Dieta já edição 186

2 comentários:

  1. Estou lendo desde o inicio seu blog e concordo plenamente com vc, estou fazendo a dieta dos pontos onde tudo é liberado mas a maioria das minhas escolhas são saudáveis pois quero conseguir o meu emagrecimento sem remédios e sem cirurgia e estou tomando seu exemplo como modelo para eu continuar a minha RA com mais força ainda! Parabéns pelo blog e pelo incentivo e pelo seu emagrecimento!

    ResponderExcluir